Delivery Gastronomia Mercado Plataformas

Três dicas para escolher o canal de vendas online

Já conversamos sobre as diferenças de um marketplace e de uma plataforma própria, vimos quais são as vantagens de cada uma e com todas essas informações dúvidas ainda podem surgir.

Por isso, hoje trouxemos essas três dicas que podem ajudar na hora de tomar a decisão. Confere aí.

1. Conheça a empresa que está fornecendo o sistema

Antes de mais nada, pense que o seu restaurante é algo que você cuida com muito carinho, né? Provavelmente, você escolhe as melhores ferramentas para que o funcionamento seja perfeito. Pensando assim, ao ingressar sua loja em uma plataforma, o cuidado deve ser o mesmo, você deve pesquisar quem está por trás do serviço que irá contratar. 

Pesquise referências e cases de outras marcas, veja as avaliações de quem já é usuário, busque informações reais sobre a plataforma. Ao ser contatado pela empresa, não hesite em tirar dúvidas sobre o funcionamento, suas características, etc. Pergunte também sobre quais serão as vantagens que o negócio trará para sua marca, como será feito o contrato e qual será o tempo para iniciar a operação.

Se puder, peça para ter uma experiência na plataforma. Lembre-se que você estará “entregando” sua marca a um novo desafio.

2. Como será a implementação?

Você terá acompanhamento nos primeiros dias de operação? Terá um Customer Success que te apoiará em dúvidas gerais? Opte por plataformas que tenham suporte no atendimento, afinal uma nova aventura vem com novos desafios. Por mais que você esteja acostumado a operar no ambiente físico, o digital pode ser uma novidade que no começo será necessário ajuda. 

Veja se a fornecedora oferece onboarding para gestores e operadores, esse treinamento será fundamental para o bom entendimento e usabilidade de todos. Considere soluções fáceis, práticas e que apoiem o seu crescimento.

3. Pense como usuário

Veja se a plataforma é intuitiva para seu cliente, faça experimentos de compra em outros restaurantes que utilizem a plataforma. Ao iniciar a navegação, observe como o cardápio se organiza, atente-se a velocidade de abertura dos itens, examine se a compra possui fácil detalhamento e não deixa o usuário finalizar com dúvida. 

Não esqueça que os usuários finais normalmente avaliam a experiência da loja e não do sistema.

Independente da sua escolha, estar em um ambiente digital irá favorecer muito a sua expansão. Escolha o melhor que combina com seu negócio e se precisar de ajuda, chama a gente.

Gostou desse conteúdo? Continue nos acompanhando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *